Psicologia


Assim como o acompanhamento médico pré-natal, a orientação psicológica à gestante é importante, contribuindo para a saúde física e mental tanto da gestante quanto do bebê em uma fase tão importante para ambos
Mesmo quando bem planejada a etapa de espera pelo bebê é cheia de ansiedades, preocupações e mudanças, que tornam o convívio familiar do casal e familiares intensa. A partir do momento que é dada a confirmação da gestação, a vida passará a ser diferente independente da decisão dos envolvidos, pois um filho é uma responsabilidade para toda a vida, mas a possibilidade de ter o filho traz consigo muitas idealizações e desejos, que podem envolver desde a infância dos pais, até as vontades não concretizadas. Todas as duvidas e temores nessa etapa são naturais e devem ser bem analisadas e pensadas, pois cada mudança na vida traz consigo ganhos e perdas, será necessário abrir mão de alguns costumes mas ao mesmo tempo ganhar-se-á novos.
O casal grávido passará por instabilidade emocional, duvidas, mudanças no corpo e outras questões que trazem consigo uma carga psicológica que pode ser analisada e auxiliará na compreensão dos seus temores e um trabalho de orientação psicológica pode proporcionar um melhor entendimento e conforto para que ambos aproveitem essa etapa e possam estar o mais preparado possíveis para a nova fase que se inicia na vida de cada um.

Para saber mais: